O blog
Dizem que falar aos cotovelos é ruim. Dizem que expressar opinião é ótimo, em alguns casos. Unindo ambas as coisas essa pequena garota irá tentar defender as suas próprias opiniões rebeldes e muitas vezes sem causa, de coisas cotidianas, valhas ou às vezes inúteis; passando o tempo aqui, vendo as horas voarem e digitando descontroladoramente palavras aleatórias, porque isso sim é de sua estranha natureza.

Quem
Gabriela Andrade, uma senhorita com 23 anos vividos de misturas sentimentais, questões polêmicas, questionamentos insanos e utópicos sobre o mundo, englobados em torno de muitas confusões. Anseia por um futuro melhor, mas se saberá o que será do temido e exasperado amanhã?

Arquivo
06.09 / 07.09 / 08.09 / 09.09 / 10.09 / 11.09 / 12.09 / 01.10 / 02.10 / 03.10 / 04.10 / 08.10 / 09.10 / 10.10 / 11.10 / 12.10 / 01.11 / 02.11 / 03.11 / 04.11 / 05.11 / 07.11 / 08.11 / 09.11 / 01.12 / 02.12 / 03.12 / 04.12 / 07.12 / 09.12 / 03.13 / 07.13 / 11.13 / 01.14 / 01.15 / 02.15 / 03.15 / 07.15 / 01.17 /


4 Letras
Comentários (10) // sexta-feira, 31 de dezembro de 2010
Não aprendi no dicionário o significado do que eu sinto por você. É que embora eu me expresse por muitas palavras, a soma de nenhuma delas resultaria na intensidade desse meu sentimento ou em seu entendimento. Dizem que a minha idade ainda é pouca para a compreensão, mas enxergo com o coração e falo com os olhos: sou velha, pois.
“Amor: 1. Sentimento que impele as pessoas para o que se lhes afigura belo, digno ou grandioso. 2. Forte inclinação, de caráter sexual, por pessoa de outro sexo. 3. Afeição, grande amizade. 4. Objeto dessa afeição. 5. Benevolência. 6. Caridade. 7. Coisa ou pessoa bonita, preciosa. 8. Filos. Tendência da alma para se apegar aos objetos. S. m. pl. 1. Namoro. 2. O objeto amado.” Todavia, por exemplo, há ausência de: perda do chão, estado no qual brilham os olhos e acelera o coração, sentimento que às vezes não permite o cérebro em outro assunto pensar a não ser no indivíduo amado, rendição ou entrega total, fato que impulsiona alguns serem a agiram como bobos, provoca sorrisos no meio de conversas sérias (por causa dos pensamentos), produz sonhos os quais não se quer despedir quando amanhece, provoca noites não dormidas ou insônia repentina e, o principal: é motor e função de todas as relações humanas, é vida e é renascimento.

P.S.: um lindo 2011 para todos vocês e um feliz natal beem atrasado! :D

Marcadores: ,


Da definição indefinida
Comentários (21) // quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Ela é o verso perdido no Universo, o sorriso tímido, o brilho dos olhos, o vestido de verão, a cor lilás, o coração que ele faz acelerar e os olhos que molham quando experimentam a desilusão que ele causa.
Ela é a embalagem menor que um metro e sessenta, mas que insiste em ter mais do que três metros e setenta de profundidade.
Ela é o disfarce de que tudo está bem quando o amor a faz desabar. É a máscara de um riso cobrindo o que a faz chorar.
Ela gosta de ser professora na escola do amar, mesmo tendo sido reprovada e não sabendo nada sobre esta matéria e verbo que expressa mais do que nove elevado à n de ações e não-razões.
Ela é o lápis que mesmo com a ponta já gasta, quer mais escrever. Ela é o anseio pela doçura de um livre viver.
É mil dias de uma tarde só, mil viagens de um lugar só, mil sonhos de uma noite só, mil suspiros num minuto só... É mil sorrisos para uma pessoa só, para um amor só, para uma estrela só: ele.

Imagem: daqui

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Recebi um selinho da Elania, muito obrigada!


Acompanhando os passinhos
1º Repassar o selo para 10 blogs
- Irei compartilhá-lo com: a minha vizinha, a garota das palavras, a xará mais fofa, a minha amiga káh e a Camila. Como ainda faltam 5 blogs, quem quiser pode pegar. (:

2º Avisar a cada blogueiro (a).

3º Falar dez coisas sobre você - respondi em forma de texto:
Ela, a tal da Gabriela
Pensa de menos e pensa demais. Não vive sem filmes e prefere os de comédia romântica. Gostaria de saber o significado da palavra “e” seguida de “se” – mas se e se as soubesse, não pensaria nas possibilidades passadas (arrependimentos) e agiria somente com o coração. O que, segundo ela, causaria problemas. Aliás, é um pouco atrapalhada por natureza e não vê charme nisso. Por falar em charme, adora sorrir mesmo aos que não a conhecem. A tal da Gabriela pensa que sorrisos são como remédios para aqueles que necessitam, sabe? E vive, às vezes boba e outras não. Dizendo vezes, em alguns momentos é tímida e outros, o oposto. Gosta de crianças porque retratam pureza. Pureza quase não há hoje, concorda?
Ouve Marie Digby, Colbie Caillat, Aerosmith, Jason Mraz, Nichelback, Paramore, Michael Bublé, Tiago Iorc e mais uma lista não muito curta que não cabe aqui colocar. Ama trilhas sonoras e Nicholas Sparks, Sabino, Drummond, Moccia... Mas começou mesmo com Ruth Rocha. É roteirista de sonhos, escreve quando precisa, estuda quando quer, fascina-se com coisas fofas, coleciona sorrisos e é viciada (agora) por estrelas.

Marcadores: , , ,