O blog
Dizem que falar aos cotovelos é ruim. Dizem que expressar opinião é ótimo, em alguns casos. Unindo ambas as coisas essa pequena garota irá tentar defender as suas próprias opiniões rebeldes e muitas vezes sem causa, de coisas cotidianas, valhas ou às vezes inúteis; passando o tempo aqui, vendo as horas voarem e digitando descontroladoramente palavras aleatórias, porque isso sim é de sua estranha natureza.

Quem
Gabriela Andrade, uma senhorita com 23 anos vividos de misturas sentimentais, questões polêmicas, questionamentos insanos e utópicos sobre o mundo, englobados em torno de muitas confusões. Anseia por um futuro melhor, mas se saberá o que será do temido e exasperado amanhã?

Arquivo
06.09 / 07.09 / 08.09 / 09.09 / 10.09 / 11.09 / 12.09 / 01.10 / 02.10 / 03.10 / 04.10 / 08.10 / 09.10 / 10.10 / 11.10 / 12.10 / 01.11 / 02.11 / 03.11 / 04.11 / 05.11 / 07.11 / 08.11 / 09.11 / 01.12 / 02.12 / 03.12 / 04.12 / 07.12 / 09.12 / 03.13 / 07.13 / 11.13 / 01.14 / 01.15 / 02.15 / 03.15 / 07.15 / 01.17 /


Adoção do mundo
Comentários (1) // quarta-feira, 22 de julho de 2015

Minha menina,
eu não sou a sua mãe e você não é a minha filha.
Não temos semelhança física.
Parecidas com você há várias outras meninas
e o meu peito dói.

Quem irá lhe ensinar o ficar na ponta do pé,
decorar o alfabeto e dançar o balé
ou o que você quiser?
Quem irá lhe mostrar a diferença entre o mi-do-ré?
E lhe falar que a vida não é só tempestade?
Que há calmaria, amor e também amizade?

Quem irá lhe defender da guerra e da zombaria?
Pegar-lhe no colo e dizer que tudo ficará bem?
Que algum dia as nossas forças vêm
e que vale a pena acreditar naquilo que faz o coração acelerar?

Quem irá lhe contar alguns contos de fadas?
Explicar que princesa não precisa de príncipe para ser feliz e amada?
E que giz de cera é o passaporte para qualquer pátria?

Quem lhe dará um abraço
e estará ao seu lado
todas as vezes em que dentro de você houver machucado?

Minha menina,
quando você irá perceber
que a arma é só um brinquedo
do ser humano que se acha indefeso
e que não soube crescer?

Foto: Osman Sağırlı